Eu, Tu, Elas entrevistam: a fotógrafa Paola Vespa, dona do projeto Beleza Orgânica

Há alguns dias, nossa timeline do Facebook começou a bombar com fotos maravilhosas de mulheres incríveis. Negras, cabelos cacheados, asiáticas; meninas como nós e como vocês que, pelas lentes de Paola Vespa – e sem nenhum retoque de Photoshop –  pulsam vida. Eu, Tu, Elas entrevistamos a Paola, que explicou pra gente como a série Beleza Orgânica surgiu (ainda esse mês!) e como ele tem caminhado depressa nas redes sociais. Confira:

Modelo: Carinna Morena
Modelo: Carinna Morena

Eu, Tu, Elas: Quando você começou a se interessar por fotografia?
Paola: Acho que eu comecei a me interessar por fotografia quando eu saía pra viajar com as amigas e nada parecia completo se eu não voltava pra casa com 400 fotos para contar história. Essa paixão foi se desenvolvendo com a atualização das câmeras: ganhei minha primeira câmera profissional e ela se tornou um vício, mas acabou quebrando. Anos depois, trabalhei para comprar minha própria câmera, porque estava incerta sobre a faculdade. Isso foi em dezembro do ano passado. Aí, comprei e decidi me dedicar: comecei fotografando a cidade e fiz meu primeiro ensaio “de teste” em abril, e as pessoas me disseram que eu precisava trabalhar com gente, e foi o que eu fiz.

Fala um pouco do Beleza Orgânica. Como ele funciona, exatamente? As modelos são só amigas suas?
O projeto tem vários propósitos. Eu queria criar meu primeiro portfólio, então resolvi unir o útil ao agradável e selecionar as garotas para divulgar meu trabalho. Nem todas são minhas amigonas (claro que ficamos mais próximas depois dos ensaios), mas eram todas conhecidas. Não cheguei a fotografar ninguém ainda por indicação, pelo menos não para o projeto. Resolvi trabalhar só com mulheres por uma questão de sintonia e direção: eu gosto do movimento do corpo da mulher, e gosto da confiança que elas reconquistam assim que vêem o resultado das fotos… Eu já tinha passado por essa experiência com dois ensaios que fiz com amigonas, e achei interessante que outras mulheres pudessem experienciar isso. É uma puta forma de empoderamento, e isso é importante, porque significa que o trabalho funciona pra todas nós

Modelo: Julia Peres
Modelo: Julia Peres

Você teve alguma inspiração pra criar o projeto?
Tive um insight quando vi o cenário da capa de revista da Caitlyn Jenner! Comprei quatro pedaços de papelão e chamei quinze meninas. Agora já tem umas 25, 30 para fotografar. Foi rapidão: elas toparam e funcionou.

E o nome, veio de onde?
O meu olhar sobre o que é a beleza vem se desenvolvendo, e eu queria ver o que eu podia fazer com essas meninas. Mostrar facetas. O “orgânico” começou como uma brincadeira, porque não uso Photoshop, não estamos em um estúdio e gordurinhas, espinhas, estrias e tudo que há de natural (e que normalmente causa insegurança na mulher) é muito bem-vindo nas minhas fotos.

Como tem sido a difusão do projeto nas redes sociais? Houve alguma resposta negativa?
Não! Muito pelo contrário. A rede social é importantíssima e é um feedback de quantas pessoas eu alcanço com o projeto. Muita gente elogia, e tem gente que quer dar sugestões, sempre muito bem-vindas também. Acho que no máximo uma menina me pediu diversidade nos ensaios e eu pedi calma a ela, porque o projeto estava na primeira semana e, com o tempo, ela veria de tudo. É o que eu pretendo fazer.

Modelo: Alice Mondaca Milagres
Modelo: Alice Mondaca Milagres

Isso que eu ia perguntar: quais os próximos passos?
Ainda não sei. Tudo começou muito rápido e eu quero fazer direito. Quero dar atenção total… mas não preciso de um projeto novo para que meninas com deficiência, por exemplo, possam participar. Elas são muito bem-vindas. Não quero me atrever a expor ainda, quero ser muito boa no que faço, e preciso de mais conteúdo. Tenho recebido alguns poucos convites para fazer parcerias, e estou muito interessada… Quero que esse trabalho me absorva mesmo!

Até agora você já teve alguma modelo que mais gostou de fotografar ou um ensaio favorito? Ou tem alguma história curiosa pra contar?
Fiz um post no Facebook outro dia sobre a reação das meninas com o resultado das fotos. É bem interessante, porque elas não acreditam que são elas. Tem algumas que apontam para a foto e dizem “OLHA ISSO, NÃO SOU EU AQUI”. Isso é demais! Também lembro de um ensaio que fiz com tinta branca, inspirado num fotógrafo que eu amo e que faz esse trabalho com as modelos. Mas acho que todos foram especiais porque nenhum saiu “mais ou menos”.

Modelo: Luiza Serpa
Modelo: Luiza Serpa

Quero ser fotografada. Comofas?!
É só conversar comigo pelo Facebook que entramos em um acordo. Eu comecei a cobrar porque preciso valorizar que isso que eu faço é um trabalho, e a troca é necessária. Mas qualquer pessoa que quiser deve falar comigo sem medo! A gente resolve rapidinho. Para quem quiser seguir, meu instagram é Clique confira.

Qual é a sensação de fazer todas essas meninas se sentirem lindas?
Missão cumprida total, com certeza! Foi isso que o projeto me deu. Foi além das minhas expectativas. Eu estava esperando algo só para mim, mas todas elas me ajudaram. Está sendo incrível!

Modelo: Mariana Montag
Modelo: Mariana Montag

A entrevistada: Paola Vespa tem 21 anos, estuda Publicidade e Propaganda na ESPM. e tem paixão por fotografia
A entrevistada: Paola Vespa tem 21 anos, estuda Publicidade e Propaganda na ESPM. e tem paixão por fotografia
A entrevistadora: Helô D'Angelo tem 21 anos na cara e nenhuma ideia do que quer fazer da vida quando terminar a faculdade de jornalismo.
A entrevistadora: Helô D’Angelo tem 21 anos na cara e nenhuma ideia do que quer fazer da vida quando terminar a faculdade de jornalismo.
Anúncios

o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s