Ocupe os bares machistas, sim!

por Letícia Souto

Esse texto é pra você que, assim como eu, não sabe o que fazer quando fica sabendo de relatos de abuso contra mulheres em bares que você sempre quis tocar. É pra você que fica em cima do muro quando aquele cara escroto te convida pra tocar no bar dele, porque no fundo você sabe que o público vai ser legal e quanto mais sua banda tocar, melhor, né?

Vai, amiga.

Vai tocar lá sim. Leva a sua banda, sua banquinha de merch, vai de batom vermelho, de maquiagem borrada, vai descabelada. Grita pelas meninas que não têm coragem de ir até lá curtir uma noite sem ficar com medo. Toca pelas meninas que sofreram algum trauma de um desses caras.

Mostra que o futuro da música é feminino.

Vai, faz o melhor show. Enche aquele lugar de energia que nem você nem o público vão esquecer. Porque não vai ter nada mais bonito, irônico e delicioso do que ouvir o dono do bar sendo obrigado a contar para as pessoas que o seu show foi lindo. E aquele playboy que assistiu seu show de longe com receio de demonstrar que estava curtindo porque ele é machão demais pra isso.

Uma hora ele vai ter que dar o braço a torcer e parabenizar; talvez ele até vai curtir o som da sua banda e comprar um bottom. Faça esses caras admitirem que gostam das suas músicas, da sua atitude. Não é sobre vingança, longe disso. É sobre colocar os machistas no lugar deles e você no seu.

leticia
Letícia Souto tem 19 anos de ócio criativo. Graduada em preguiça e pós-graduada em procrastinação pela Universidade da Vida. Gata em um mundo cão
Anúncios

o que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s